Comunicação Interna Conteúdos

TI para comunicação interna: quais riscos estão envolvidos nessa etapa?Tempo de Leitura: 3 minutos

ti para comunicacao interna

O uso da Tecnologia da Informação (TI) para a comunicação interna ainda é cercado de desconfiança por parte de algumas diretorias, principalmente por dois motivos: possíveis problemas com o hardware e com a segurança da informação. Por isso, neste post, abordaremos alguns dos pontos que devem receber atenção especial no momento da implantação da TI para comunicação interna para evitar problemas posteriores e garantir a estabilidade da solução.

Em tempos que aparelhos eletrônicos parecem ser feitos para durar cada vez menos, é importante procurar equipamentos que invistam na robustez e que tenham bom suporte técnico. Para não depender apenas de soluções físicas, vale explorar cada vez mais as alternativas de cloud computing, ou nuvem, aonde computadores e servidores interligados por meio da internet são usados para armazenar dados ou até mesmo para rodar programas. Ao se trabalhar com soluções de nuvem, os dados ficam menos suscetíveis a problemas físicos (hardware) locais.

Com o avanço da tecnologia, problemas com segurança da informação são cada vez mais comuns. Ataques virtuais e vazamento de informações são constantemente noticiados e requerem atenção especial. Manter a TI para comunicação interna segura envolve uma série de fatores, que vão desde soluções de software a treinamento de equipe.

Crackers e outros criminosos virtuais buscam sempre estar um passo a frente de suas vítimas e são um sério risco para a TI para comunicação interna. Por isso, é importante prevenir-se para evitar este tipo de ataque aos dados da empresa. Um quesito importante é observar se o antivírus e o firewall das máquinas estão ativos.

A proteção das informações da empresa também passa pelo treinamento da equipe. De nada adianta ter as mais avançadas soluções de segurança da informação se um colaborador compartilha as senhas de serviços com outras pessoas. É importante ressaltar aos funcionários o valor de informações internas e como o vazamento das mesmas pode ser danoso para os negócios. Uma das formas de reforçar essa questão é através de campanhas de endomarketing.

Como podemos observar pelos fatores levantados, a TI para comunicação interna é uma questão muito séria dentro de uma organização, mas com a utilização de tecnologias atuais, aliada a alguns cuidados, podemos tornar a troca de informações dentro de uma empresa muito mais segura. Antever os possíveis problemas é uma forma de ajudar a preveni-los e tornar a experiência ainda melhor tanto para diretoria e colaboradores como para a equipe técnica responsável.

Neste post apenas introduzimos a importância da segurança para a comunicação interna de uma empresa. Estamos preparando um material muito mais completo sobre este assunto, com detalhes técnicos e práticos para auxiliar a equipe de TI de sua empresa a implementar uma comunicação interna segura. Assine nossa newsletter e fique ligado! Até a próxima.

Sobre o autor

Felipe Machado von Hertwig

Coordenador de suporte na Progic Tecnologia e especialista de produto. Bacharel em Sistemas de informação e pós-graduado em segurança da informação.