Comunicação Interna Conteúdos

Como Avaliar o Engajamento nas Redes Sociais Corporativas? – por Isabela PimentelTempo de Leitura: 3 minutos

valor da comunicação interna
Escrito por Autor Convidado

De pirâmide para uma estrutura mais circular. Assim, algumas empresas têm reorganizado seus organogramas e processos. Mas, algo fundamental que muitas vezes é desvalorizado é a comunicação.

E para ter fluxos mais contínuos e fazer uma comunicação que vá além do “mundinho das baias”, criar uma rede corporativa é um passo importante. Ela é uma plataforma que permite armazenamento de documentos, compartilhamento de informações, criação de grupos e fóruns, incluindo características sociais, como criação de perfil pessoal.

Muitas empresas investem milhões de reais em redes sociais corporativas, plataformas que possibilitam interação, troca de conteúdos, comunicação em tempo real e gestão do conhecimento. Mas, pouco tempo depois do lançamento, as taxas de acesso caem, ninguém lê as notícias e a rede fica às moscas.

Qual a razão disso? O que leva uma empresa que tem uma rede incrível e interativa, não ter acesso, nem engajamento?

A resposta é bem simples: redes corporativas vão muito além do aspecto tecnológico e ferramental, antes de tudo, são espaços que devem ser feitos por e para os funcionários.

Promover um ambiente digital que tenha algumas características das redes sociais – como espaço para chats e fóruns – impacta positivamente nos negócios. Além disso, o espaço pode estimular a comunicação entre os setores da empresa, criando uma cultura de compartilhamento de informações.

Os colaboradores são altamente ativos em outras redes sociais, então as empresas têm que aprender com o colaborador e dar um espaço em que ele possa compartilhar conhecimentos com colegas e lideranças da empresa.

As empresas devem ficar atentas para trazer o colaborador não apenas como um sujeito ativo na construção de conteúdos das redes internas, mas também incentivar que eles tenham uma visão estratégica dos negócios.

Se empresa quer gerar valor, tem que se conectar com parceiros, públicos estratégicos e fornecedores. As redes devem ser vistas enquanto plataformas que conectam empresas e pessoas.

Engajamento nas Redes Sociais Corporativas

Há diversas formas de se avaliar a eficácia do uso das redes sociais corporativas na estratégia de comunicação com os funcionários. Mas, muito além do que gerar relatórios, é preciso transformar os dados em instrumento para tomada de ação e promoção de melhorias constantes nas plataformas.

Como são formadas por diversas abas e camadas de leitura, as redes sociais corporativas tem conteúdos segmentados, e isso explica a diferença da taxa de leitura entre cada uma das áreas temáticas. Em geral, conteúdos focados em pessoas tem mais visibilidade, como por exemplo, ações entre as áreas, campanhas, vídeos com depoimentos dos funcionários, matérias e reportagens que contam a história da empresa, dentre outros.

Confira algumas métricas que são usadas para avaliar o engajamento dos funcionários nas redes sociais corporativas:

métricas para avaliar o engajamento dos colaboradores com as redes sociais corporativas


Gostou das dicas apresentadas pela Isabela?

Confira o material completo produzido pela Progic em conjunto com a Comunicação Integrada em nosso e-Book: “Alcançando o Engajamento através da Rede Social e da TV Corporativa”.



isabela_pimentel_comunicacao_integrada_fundadora_diretora-w560h640

Isabela Pimentel

Especialista em Comunicação Integrada pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), Jornalista pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Bacharel e Licenciada em História pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio).

A Comunicação Integrada é uma empresa de Cursos e Soluções que tem como propósito ajudar estudantes, recém-formados e profissionais de mercado a construir projetos que transformem a realidade fragmentada das empresas, através do compartilhamento de conteúdo diferenciados e práticos em aulas on-line, presenciais, workshops e palestras.

 

Sobre o autor

Autor Convidado